15 de novembro de 2008

DO LUGAR ONDE ESTOU

I
Do lugar onde estou vejo o mundo e se o não vejo imagino-o. Acho que roubei esta frase de alguém. Crio um mundo e o trago pra junto de mim. Olho para as mãos e vejo todo um passado entranhado em meus genes. Os olhos que herdei de 'seo' Tonito e pequenas manchas nos braços que indicam perda de melanina.
II
O tempo de viver já é agora. E é pra já que me dirijo quando acelero meu fusca e o vento que entra pelo quebra-vento (que a bem da verdade não quebra, mas canaliza o vento) me diz que meus cabelos ficarão assanhados e que já não são tantos como há vinte anos.
III
A coluna vertebral já me presenteou uma hérnia discal e eu insisto em brincar que, se é de disco, é CD. Caminho pela mesma calçada quase todos os dias e vejo quase as mesmas pessoas e elas usam quase as mesmas roupas todos os dias e caminham pela mesma calçada, que nem eu. Somos seres de repetição!
IV
Vejo-me no espelho e concluo que os sulcos em meu rosto são troféus que conquistei. Tantas batalhas venci que me acho merecedor de mais rugas. Prefiro chamá-las pregas, que era assim lá em Juazeirinho. Quem não as tem... não tem. Minha fotofobia ajudou a formatá-las.
V
Fazendo as contas descubro que o tempo tem sido generoso comigo. Vou e volto sempre numa atitude de reverência a ele, senhor de tudo. Acho que exagero, às vezes, quando debocho de sua ação deletéria sobre o organismo. Ora, o tempo não é culpado de nada. Como dizia o compositor, ele sabe passar, nós não! O tempo, minha amiga, Freud explica? Acho que ajuda a entender.
VI
Depois de uma semana Dona Neide saiu da UTI e esse foi meu melhor presente. Mesmo porque o segundo melhor seria a vitória da raposa, que não veio. C'est la vie! Abomino a hiposcrisia e sempre descubro que tenho amigos de verdade. Irmãos que fui agregando nestes 46 anos bem vividos. A amizade é a forma de amor mais próxima da perfeição. Ajuda muito o fato de não envolver sexo. VII Viver é perigoso, mas a vida é um prêmio, nunca um castigo. Como dizia o poeta Chico Passeata, "se a vida é uma só, por pior que seja é a melhor".

2 comentários:

Anônimo disse...

Oi Junior..adorei suas reflexóes de hj... a vida é isso mesmo!!!
Abração
Angela

Aninha Santos disse...

Do lugar onde estou tenho muita honra em estar ao seu lado e de estar desfrutando tão de perto essa "forma perfeita de amar". Você é um cabra muito especial e todo mundo que chega perto vai se apaixonando. Muitas felicidades pra ti e muitos anos de vida para que a gente continue desfrutando dessa pessoa fabulosa que você é e nos ensina a ser. É o meu parabéns egoísta e devidamente registrado. Beijo.