20 de abril de 2009

EU E ELA - POR QUÊ?

Parece que eu previa na sexta-feira um final de semana super musical. Gravações, violão, papos musicais, samba de raiz (muito samba) e, como acordei com essa canção no juízo, resolvi dividi-la! Já comentei com alguns amigos que Vander Lee é, pra mim, a maior novidade na música popular de Pindorama desde Zeca Baleiro, Chico César, Seu Jorge e Ana Carolina. O sujeito escreve verdadeiros poemas musicais, tem molho, tem brasilidade de sobra, tem mineirice de sobra, toca bem, canta muito bem, tem uma voz afinadíssima e, pra quem não viu ou não sabe ainda, o cara tem estrada de muitos anos. Meu amigo Isaac Cândido (grande compositor e cantor cearense) já falava há uns 4 a 5 anos da amizade, dos sons e da promessa que era Vander Lee. Nos últimos dois ou três anos ele vem aparecendo e daqui uns dias estará na crista da onda. Sua nova música, que aqui no Rio tem tocado bastante (nas rádios especiais, né!) é promessa de virar hit daqui a uns tempos na boca e na memória de muita gente, mesmo com uma letra pra lá de diferente daquilo que a gente tem visto na média. Confira no link do youtube no outro post e tire suas dúvidas. A letra está aqui abaixo: "Gotas de amor, girassol Mares de sal, beijo floral Pra falar nesse tempo, qual? Do ventre exposto ao sol Das flores postas no postal Quantas caras nesse jornal Foi quando a sede chamou Pra acordar nosso amor Fiz um tema na mão dela Já fez calor, temporal Você sem mim, tudo tão igual Tudo bem, mas estou bem mal Na TV não tem canal Seu brilho tão sem meu cristal Só tem música em meu dial Mas o poema acenou Pra acordar nosso amor Quando a noite me revela Sou eu e ela, eu e ela, eu e ela, eu e ela, eu e ela, eu e ela. Já fez calor, temporal Você sem mim, tudo tão igual Tudo bem, vou ficar legal Se a TV não tem canal Seu brilho não tem meu cristal Só tem música em meu dial Mas o poema acenou Pra inventar outro amor Quando a noite me revela Sou eu e ela, eu e ela, eu e ela, eu e ela, eu e ela, eu e ela...

6 comentários:

KÁTIA LIMA disse...

POIS NÃO É QUE ALÉM DA DEBHORA, TU CONHECE TAMBÉM O VANDER LEE...KKKKK
E EU SENDO APRESENTADA POR VOCÊS A ESSE ARTISTA QUE AGORA ACHO FORMIDÁVEL...
É VIVENDO, LENDO E APRENDENDO.
UM ABRAÇO TERNO NA SOCORRO, DEBHORA E ANINHA(QUE FÊZ MENÇÃO DOS NOMES CITADOS , INCLUSIVE O MEU, EM OUTRO POST). VALEUUUU, PESSOAS LINDAS.

UM ABRAÇO EM TU TAMBÉM NÃO É , RANGEL JUNIOR...

Rangel disse...

Kátia!
E não é que o bom da vida mesmo é esse montão de descobertas que a cada dia a vida nos presenteia?
Tem um montão de gente bacana (muito) que visita o blog, mas Socorro, Débhora, Aninha e Você são minhas mais assíduas interlocutoras. Meu blog tá famoso, hein!
Grande abraço!

Diamile disse...

Admiradora dos poetas e amantes da boa música!!
Na busca pela letra da nova música do Vander, encontrei teu Blog! E como disse, "o bom da vida é esse montão de descobertas que a vida nos presenteia". Bom, além de fã dos amantes da poesia, do Vander Lee...olha o que encontrei aqui tb, a Psicologia!!Um grande paixão.
Parabéns pela beleza e riqueza de tua pg!!
Di

Pedro Mota disse...

Primeiramente, parabéns pelo blog... Sou carioca, mas moro na sua cidade já há quatro anos, estudo Letras na UFPB... Com certeza você já está sabendo que o Vander Lee tá vindo pra cá na sexta feira e devemos nos ver lá no Paulo Pontes!!! Estava procurando algum comentário sobre essa bela canção dele e acabei encontrando seu blog... É muito bom saber que o Vander Lee tem até adimiradores quase doutores, ele merece isso e muito mais!!! Abraço!!!

RANGEL JUNIOR disse...

Caro Pedro Mota.
Acompanho o trabalho do Vander Lee e gostaria muito de conecê-lo no futuro. Mais diua menos dia isso vai acontecer. Pena que estou em Campina Grande somente até hoje. Cantarei hoje à noite (12/05) e viajarei de volta por Rio logo amanhã. Prazer conhecê-lo por aqui. Manda notícias dele pro rangeljunior@msn.com. Fico grato.
Abraço!

W. Gabriel disse...

Acabei de ouvir na rádio Calypso FM, de Fortaleza-CE. É a primeira vez que ouço, curiosamente quase três anos depois desse post. Parabéns pelo som e letra. São ótimos de ouvir.